INTERFACES ENTRE PROFISSIONAIS DE SAÚDE E A HUMANIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA AO PARTO

Laura Maria Tenório Ribeiro Pinto, Juliana da Silva Nogueira Carvalho, Renata Miranda Correia, Evelyn da Silva Ferreira Lins, Larissa Lages Ferrer de Oliveira, Amuzza Aylla Pereira dos Santos

Resumo


Objetivo: descrever a percepção dos profissionais de saúde acerca dos aspectos relacionados à humanização ao parto e nascimento Metodologia: Estudo descritivo com abordagem qualitativa, realizado com 26 profissionais de saúde especialistas em obstetrícia (10 enfermeiros e 16 médicos) de três maternidades públicas de risco habitual em Recife-PE. Utilizou-se como referencial teórico a Análise crítica do discurso. Resultados: Dificuldades enfrentadas no desenvolvimento da assistência ao parto e nascimento; Discurso divergente em relação à humanização da assistência ao parto e nascimento; Divergência entre modelos assistenciais obstétricos seguidos. Conclusões: percebe-se a necessidade de ampliar a compreensão de humanização do parto e nascimento pelos profissionais, tendo como objetivo prestar uma atenção voltada às necessidades da parturiente e família.

Descritores: Humanização da assistência; Assistência ao parto; Parto.

INTERFACES BETWEEN HEALT H PRO FESSIONALS AND HUMANIZATION OF LABOR ASSISTANCE

Objective: to describe the perception of health professionals about the aspects related to humanization at birth and birth. Methodology: A descriptive study with a qualitative approach, carried out with 26 health professionals specialized in obstetrics (10 nurses and 16 physicians) from three public maternity hospitals at usual risk In Recife-PE. Critical analysis of discourse was used as theoretical reference. Results: Difficulties faced in the development of delivery and birth care; Divergent discourse regarding the humanization of delivery and birth care; Divergence between assisted obstetric care models. Conclusions: the need to extend the understanding of humanization of birth and birth by professionals is perceived, with the objective of paying attention to the needs of the parturient and the family.

Descriptors: Humanization of Assistance; Midwifery; Delivery.

INTERFACES ENTRE PRO FESIONALES DE SAL UD Y LA HUMANIZACIÓN DE LA ASISTENCIA AL PARTO

Objetivo: describir la percepción de los profesionales de salud acerca de los aspectos relacionados con la humanización al parto y el nacimiento. Métodos: Estudio descriptivo con abordaje cualitativo, realizado con 26 profesionales de salud especialistas en obstetricia (10 enfermeros y 16 médicos) de tres maternidades públicas de riesgo habitual En Recife-PE. Se utilizó como referencial teórico el análisis crítico del discurso. Resultados: Dificultades enfrentadas en el desarrollo de la asistencia al parto y el nacimiento; Discurso divergente en relación con la humanización de la asistencia al parto y el nacimiento; Divergencia entre modelos asistenciales obstétricos seguidos. Conclusiones: se percibe la necesidad de ampliar la comprensión de humanización del parto y nacimiento por los profesionales, teniendo como objetivo prestar una atención volcada a las necesidades de la parturienta y familia.

Descriptores: Humanización de la Atención; Tocología; Parto Obstétrico.


Texto completo:

PDF

Referências


Vendrúscolo CT, Kruel CS. A história do parto: do domicílio ao hospital; das parteiras ao médico; de sujeito a objeto. Disciplinarum Scientia. Série: Ciências Humanas [Internet]. 2015 [cited 2017 Dec 22]; 16(1):85- 107. Available from: https://www.periodicos.unifra.br/index.php/disciplinarumCH/ article/view/1842/1731

Dodou HD, Rodrigues DP, Guerreiro EM, Guedes MVC, Lago PN, Mesquita, NS. A contribuição do acompanhante para a humanização do parto e nascimento: percepções de puérperas. Esc. Anna Nery [Internet]. 2014 [cited 2018 Jan 15]; 18(2):262-9. Available from: http:// www.scielo.br/pdf/ean/v18n2/1414-8145-ean-18-02-0262.pdf

Côrtes CT, Santos RCS, Caroci AS, Oliveira SG, Oliveira SMJV, Riesco MLG. Metodologia de implementação de práticas baseadas em evidências científicas na assistência ao parto normal: estudo piloto. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2015 [cited 2018 Jan 15]; 49(5):716-725. Available from: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v49n5/pt_0080-6234 -reeusp-49-05-0716.pdf

Apolinário D, Rabelo M, Wolff LDG, Souza SRRK, Leal GCG. Práticas na atenção ao parto e nascimento sob a perspectiva das puérperas. Rev Rene [Internet]. 2016 [cited 2018 Jan 15] 17(1):20-8. Available from: http://www.periodicos.ufc.br/rene/article/view/2601/1990

Santos RAA, Melo MCP, Cruz DD. Tragetória de humanização do parto no brasil a partir de uma revisão integrativa de literatura. Caderno de Cultura e Ciência, Ano IX [Internet]. 2015 [cited 2018 Jan 15]13(2):76- 89. Available from: http://periodicos.urca.br/ojs/index.php/cadernos/ article/view/838/pdf_1

Fairclough N. Discurso e mudança social. 2. ed. Brasília: Editora Universidade de Brasília. 2001.

Sanfelice CFO, Abbud FSF, Pregnolatto OS, Silva MG, Shimo AKK. Do parto institucionalizado ao parto domiciliar. Rev Rene [Internet]. 2014 [cited 2018 Jan 10] 15(2):362-70. Available from: http://www.periodicos. ufc.br/rene/article/view/3170/2433

Ministério da Saúde (BR), Cadernos HumanizaSUS. Humanização do parto e do nascimento. 4ª ed. Brasília: Ministério da Saúde 2014; [cited 2018 Jan 26]4: 10-465. Available from: http://www.redehumanizasus. net/sites/default/files/caderno_humanizasus_v4_humanizacao_parto. pdf

Dodou HD, Sousa AAS, Barbosa EMG, Rodrigues, DP. Sala de parto: condições de trabalho e humanização da assistência. Cad. Saúde Colet [Internet]. 2017 [cited 2018 Jan 17] 25 (3): 332-338. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-462X20 17000300332&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Vieira MCC, Sousa AIO, Lima BLR, Sousa EA, Rolim EG. A política de humanização do sistema único de saúde (SUS), e suas expressões na maternidade do hospital regional de Pombal PB. INTESA [Internet]. 2014 [cited 2018 Jan 11] 8(2): 31-53. Available from: http://www.gvaa. com.br/revista/index.php/INTESA/article/view/3232/2778

Reis TLR, Padoin SMM, Toebe TFP, Paula CC, Quadros JS. Autonomia feminina no processo de parto e nascimento: revisão integrativa da literatura. Rev Gaúcha Enferm [Internet]. 2017 [cited 2018 Jan 15] 38(1):e64677. Available from: http://www.scielo.br/pdf/rgenf/ v38n1/0102-6933-rgenf-1983-144720170164677.pdf

Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Cartilha nova organização do cuidado ao parto e nascimento para melhores resultados de saúde: Projeto Parto Adequado - fase 1, Sociedade Beneficente Israelita Brasileira, Hospital Albert Einstein, Institute for Healthcare Improvement. Rio de Janeiro: ANS [Internet]. 2016 [cited 2018 Jan 15] 9-44. Available from: http://www.ans.gov.br/images/stories/Materiais_ para_pesquisa/Materiais_por_assunto/web_total_parto_adequado. pdf




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2018.v9.n3.1195

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.