O impacto da orientação pré-operatória na recuperação do paciente cirúrgico

Jeferson dos Santos, Luizita Henckmeier, Silvana Alves Benedet

Resumo


Este estudo teve como objetivos caracterizar as orientações pré-operatórias realizadas pelos enfermeiros e identificar o impacto da orientação pré-operatória na recuperação do paciente cirúrgico. O estudo foi realizado numa unidade cirúrgica de hospital de ensino de Santa Catarina. A população constituiu-se de seis enfermeiros e 25 pacientes cirúrgicos. Observação sistematizada e entrevistas semiestruturadas foram utilizadas para a coleta de dados. Os resultados evidenciaram que a orientação pré-operatória individualizada proporcionou tranquilidade, bem-estar, otimismo, diminuindo o medo e a ansiedade dos pacientes que se mobilizaram precocemente e realizaram exercícios respiratórios, resultando em recuperação mais rápida e menos complicações.

Descritores: Enfermagem Cirúrgica, Educação em Saúde, Enfermagem Pré-Operatória.

The impact of the preoperative guideline on surgical patient recovery

This study aimed at characterizing the preoperative guidelines performed by nurses; to identify the impact of preoperative surgical patient. To this end, we conducted semi-structured interviews with patients from the surgical clinic of a Santa Catarina teaching hospital and nurses of the clinic. The population consisted of 06 nurses and 25 surgical patients. We concluded that the orientation of the patients did express feelings of tranquility, wellness and optimism, as well as diminish the fear and anxiety. All these, together with early mobilization were important factors that contributed to a faster recovery and lower rate of complications.

Descriptors: Surgical Nursing, Education in Health, Preoperative Nursing.

El impacto de la orientación preoperatoria en la recuperación del paciente quirúrgico

Este estudio tuvo como objetivo caracterizar la orientación preoperatoria en la recuperación de pacientes quirúrgicos; identificar el impacto de la orientación preoperatoria en el paciente quirúrgico. El estudio se realizó en una unidad quirúrgica del hospital de educación de Santa Catarina. La población consistió en 06 enfermeras y 25 pacientes quirúrgicos. Se concluye que la orientación hizo con que los pacientes manifestaran sentimientos de tranquilidad, bien estar, optimismo, disminución del miedo, la ansiedad y que se movilizaron precozmente. Esos factores contribuyeron, consecuentemente, para una recuperación más rápida y con un índice menor de complicaciones.

Descriptores: Enfermería Quirúrgica, Educación en Salud, Enfermería Preoperatoria.

Texto completo:

PDF

Referências


Galdeano LE, Rossi LA. Construção e validação de instrumentos de coleta de dados para o período perioperatório de cirurgia cardíaca. Rev Latinoam Enferm. 2006;10(6):800-04.

Benedet SA. Cliente cirúrgico: ampliando sua compreensão [dissertação]. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina; 2002.

Farias FLR. Educação e saúde no trabalho da enfermagem com dependentes químicos. Texto Contexto Enferm. 2005;12(1):52-8.

Villa EA, Cadete MVM. A cultura institucional como determinante da prática educacional do enfermeiro. Texto Contexto Enferm. 2000;9(3):115-32.

Pinto TV, Araujo IEM, Gallani MCBJ. Enfermagem em cirurgia ambulatorial de um hospital-escola: clientela, procedimentos e necessidades biológicas e psicossociais. Rev Latinoam Enferm. 2005;13(2):208-15.

Silva DG. Grupos como possibilidades para desenvolver educação em saúde. Texto Contexto Enferm. 2003;12(1):97-103.

Carvalho, ARS, Matsuda, LM, Stuch, RAG, Coimbra, JAH. Investigando as orientações oferecidas ao paciente em pós-operatório de revascularização miocárdica. Rev Eletrônica Enferm. 2008;10(2):504-12.

May L. A atuação da enfermeira frente à dor do cliente em pós-operatório – uma abordagem humanizada [dissertação]. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina; 2002.

Smeltzer S, Bare B. Brunner e Sudarth: tratado de enfermagem médicocirúrgica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2008.




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2011.v2.n3.131

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.