A AMAMENTAÇÃO NA VOZ DE PUÉRPERAS PRIMÍPARAS

Cleunir de Fatima Candido De Bortoli, Jesica Fernanda Poplaski, Paula Roberta Balotin

Resumo


Objetivo: Conhecer as vivências acerca do processo de amamentação, por mulheres primíparas durante o puerpério. Metodologia: Estudo de campo, descritivo de abordagem qualitativa, com participação de nove puérperas primíparas. Os dados foram coletados por meio de entrevista semiestruturada e analisados pela técnica de análise de conteúdo temática, pela proposta operativa. Resultados: Na análise dos dados, emergiram duas categorias: Os desafios que permeiam a amamentação: onde a pega inicial do seio materno e os traumas mamilares demonstraram maior relevância. Os prazeres acerca da amamentação: a amamentação se sobressaiu como um momento de reconhecimento entre mãe e filho, e, portanto, um formador de vínculos entre os dois. Considerações finais: A orientação profissional adequada obteve efeito positivo na prevenção de eventos adversos. Conclui-se, portanto, que o enfermeiro se faz muito importante nesta fase, preparando a mulher para todas as adversidades e auxiliando no estabelecimento da amamentação e preservando a durabilidade do aleitamento.

Descritores: Aleitamento materno; Período Pós-parto; Enfermagem.

BREASTFEEDING IN THE VOICE OF PRIMIPARIAN PUERPERAS

Objective: To know the experiences about the breastfeeding process by primiparous women during the puerperium period. Methodology: Field study, descriptive of a qualitative approach, developed in a basic health unit, with the participation of nine primiparous women. Data were collected through a semistructured, oriented by the research question: How are women primiparean prepared to experience the breastfeeding process? And analyzed by the thematic content analysis technique, by the operational proposal. Results: In between the challenges that permeate breastfeeding, where the initial breastfeeding and mammillary traumas showed greater relevance. The pleasures of breastfeeding, as a moment of recognition between mother and child, forming links between the two. Conclusions: Adequate professional guidance has had a positive effect on the prevention of these events. The nurse becomes very important at this stage, preparing the woman for all adversities and assisting in the establishment of breastfeeding and preserving the durability of breastfeeding.

Descriptors: Breastfeeding; Postpartum period; Nursing.

LA AMAMENTACIÓN EN LA VOZ DE PUERPERAL PRIMÍPARAS

Objetivo: Conocer las vivencias sobre el proceso de lactancia, por mujeres primíparas durante el puerperio. Metodología: Estudio de campo, descriptivo de abordaje cualitativo, desarrollado en una unidad básica de salud, con participación de nueve puérperas primíparas. Los datos fueron recolectados a través de la entrevista semiestructurada, orientada por la cuestión de investigación: ¿Cómo las mujeres vivenciadas en el proceso de lactancia? Y analizados por la técnica de análisis de contenido temático, por la propuesta operativa. Resultados: Entre los desafíos que alcanzaron una lactancia materna, el establecimiento de la lactancia materna y los traumas mamilares mostraron mayor relevancia. Los placeres de la lactancia, como un momento de reconocimiento entre madre e hijo, un creador de vínculos entre los dos. Conclusiones: La orientación profesional adecuada ha tenido un efecto positivo en la prevención de estos eventos. El enfermero es muy importante en esta fase, preparando a una mujer para todas las adversidades y ayudando en el establecimiento de la lactancia y preservando la durabilidad de la lactancia.

Descriptores: Período postparto; Lactancia materna; Enfermería.


Referências


Cunningham FG; et al. Obstetrícia de Williams. 24ª ed. Porto Alegre: AMGH; 2016.

Zugaib M, Francisco RPV, Cançado, SJB. Zugaib Obstetrícia. 3ª ed. Barueri, SP: Manole; 2016.

Amaral, R. C. Fatores que contribuem para o desmame precoce e atuação da enfermagem. FACIDER Revista Científica, Colider [Internet]. 2016 [cited 2017 jun 20]; (9):1-17. Available from: http://sei-cesucol.edu.br/revista/index.php/facider/article/view/142/177.

Capucho LB, Forechi L, Lima RCD, Massaroni L, Primo CC. Fatores que interferem na amamentação exclusiva. Rev. bras. pesqui. saúde [Internet]. 2017 [cited 2018 Jun 25];19(1): 108-13. Available from: http://periodicos.ufes.br/RBPS/article/viewFile/17725/12151

Oliveira CM, Santos TC, Melo IM, Aguiar DT, Mourão Netto JJ. Promoção do Aleitamento Materno: intervenção educativa no âmbito da Estratégia de Saúde da Família. Enferm. rev. [Internet]. 2017 [cited 2018 Jun 25];20(2):99-108. Available from: http://200.229.32.55/index.php/enfermagemrevista/article/viewFile/16326/12418

Minayo, MC S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 14ª ed. São Paulo: Hucitec; 2014.

Resolução nº 466 do Conselho Nacional de Saúde, de 12 de dezembro de 2012 (BR) [Internet]. Aprova as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. Diário Oficial da União. 12 dez 2012. [cited 2017 jun 20 ]. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/cns/2013/res0466_12_12_2012.html

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Saúde da criança: aleitamento materno e alimentação complementar / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica, Brasília 2ª Ed,;2015.

Fernandes BGE, Silva VB, Pereira JM, Soares MS, Medeiros Filho RA, Pereira LB, et al. Dificuldades iniciais com a técnica da amamentação e fatores associados a problemas com a mama em puérperas. Rev. paul. pediatr. [Internet]. 2017 [cited 2018 Jun 25];35(3):265-272. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-05822017000300265&lng=en.

Urbanetto PDG, Gomes GC, Costa AR, Nobre CMG, Xavier DM, Jung BC. Facilidades e dificuldades encontradas pelas puérperas para amamentar. Rev Fund Care Online. [Internet]. 2018 [cited 2018 Jun 25];10(2):399-405. Available from: http://www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/view/6060

Spindola T, Penha LC, Lapa AT, Cavalcante ALS, Silva JMR, Santana RSC. Período pós-parto na ótica de mulheres atendidas em um hospital universitário. Enferm Foco [Internet]. 2017; [cited 2019 Ago 14] 8 (1): 42-46. Available from: http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/847/364

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Atenção ao pré-natal de baixo risco [recurso eletrônico] / Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica, Brasília, 1. ed. rev. Editora do Ministério da Saúde; 2012.

Visintin AB, Primo CC, Amorim MHC, Leite FMC. Avaliação do conhecimento de puérperas acerca da amamentação. Enferm Foco[Internet] 2015 [cited 2019 Ago 14];6(1/4): 12-16. Available from: http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/570/252

Ferreira HLOC, Oliveira MF, Rodrigues EB, Almeida BPC, Aquino OS, Pinheiro AKB. Fatores Associados à Adesão ao Aleitamento Materno Exclusivo. Ciênc. saúde colet. [Internet]. 2018 [cited 2018 Jun 25];23(3):683-690. Available from: https://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232018000300683#




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2019.v10.n3.1843

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.