O processo do cuidar/cuidado nas representações sociais de cuidadores de pacientes sequelados por acidente vascular cerebral

Jeferson Santos Araujo, Silvio Eder Dias da Silva, Mary Elizabeth de Santana, Vander Monteiro da Conceição, Esleane Vilela Vasconcelos

Resumo


O estudo objetiva identificar e analisar as representações sociais dos cuidadores de pacientes sequelados após Acidente Vascular Cerebral acerca do cuidado prestado. Trata-se de uma pesquisa do tipo exploratório-descritiva, com uma abordagem qualitativa. Empregou-se o método preceitos da Teoria das Representações Sociais de Moscovici. Após a leitura flutuante dos textos produzidos, as unidades de análise emergidas foram agrupadas e denominadas de: O cuidado ao indivíduo com AVC; as sequelas, a atenção e o cuidado, e o cuidador e o cuidar. O estudo contribuiu para a caracterização do cuidado ao indivíduo sequelado.

Descritores: Cuidadores, Cuidados de Enfermagem, Psicologia Social.

The process of care/caring in the social representations of caregivers of patients with sequelae of stroke

The study aims to identify and analyze the social representations of caregivers of stroke sequelae after the care provided. It is a research-type exploratory-descriptive, with a qualitative approach. The method precepts of Social Representation Theory of Moscovici was employed. After floating reading of the texts produced, the units of analysis emerged were grouped and named: The care of individuals presenting stroke, sequelae, the attention and the care and the caregiver and to care. The study contributed to the characterization of the care to squealed individual.

Descriptors: Caregivers, Nursing Care, Social Psychology.

El proceso de atención/atención en las representaciones sociales de los cuidadores de pacientes con secuelas de accidente cerebrovascular

El estudio tiene como objetivo identificar y analizar las representaciones sociales de los cuidadores de las secuelas de accidente cerebrovascular después de la atención recibida. Se trata de una investigación exploratorio-descriptivo, con un enfoque cualitativo para el método que se utilizó preceptos de la Teoría de las Representaciones Sociales de Moscovici. Después de leer los textos producidos flotantes, las unidades de análisis se agruparon y surgió el nombre: El cuidado de las personas con accidente cerebrovascular, las secuelas, el cuidador y el cuidado y atención y cuidado. El estudio contribuyó a la caracterización de la atención para el sujeto con secuela.

Descriptores: Cuidadores, Cuidados de Enfermería, Psicología Social.

Texto completo:

PDF

Referências


Makiyama TYM, Battisttella LR, Litvoc J, Martins LC. Estudo sobre a qualidade de vida de pacientes hemiplégicos por acidente vascular cerebral e de seus cuidadores. Acta Fisiatr. 2004;11(3):106-9.

Silva AL, Gonçalves LHT. Cuidado à pessoa idosa: estudos no contexto luso-brasileiro. Porto Alegre: Sulina; 2010.

Moscovici S. Representações sociais: investigações em psicologia social. Petrópolis: Vozes; 2003.

Moscovici S. Representações sociais: investigações em psicologia social. 6ª ed. Rio de Janeiro: Vozes; 2009.

Bardin L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70; 1977.

Jodelet D. Loucuras e representações sociais. Petrópolis: Vozes; 2005.

Boff L. Saber cuidar: ética do humano-compaixão pela terra. Petrópolis: Vozes; 2008.

Karsch UMS, Leal MGS. Pesquisando cuidadores: visita a uma prática metodológica. In: Karsch UMS, organizadora. Envelhecimento com dependência: revelando cuidadores. São Paulo: Educ; 1998.

Jodelet D. As representações sociais. Rio de Janeiro: EDUERJ; 2001.

Bocchi SCM. Vivenciando a sobrecarga ao vir-a-ser um cuidador familiar de pessoa com acidente vascular cerebral (AVC): análise do conhecimento. Rev Latinoam Enferm. 2004;12(1).

Mendonca FF, Garanhani ML, Martins VL. Cuidador familiar de sequelados de acidente vascular cerebral: significado e implicações. Physis (Rio J.). 2008;18(1).

Campos EP. Quem cuida do cuidador: uma proposta para os profissionais de saúde. 3ª ed. Rio de Janeiro: Vozes; 2007.




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2011.v2.n4.191

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.