Boas práticas na manutenção do cateter intravenoso periférico

Jeanine Geraldin Estequi, Camila Eugenia Roseira, Josélia Batista de Jesus, Rosely Moralez de Figueiredo

Resumo


Objetivo: Avaliar o índice de conformidade da equipe de enfermagem às boas práticas de manuseio do cateter intravenoso periférico, no âmbito hospitalar. Método: estudo descritivo-exploratório, prospectivo, de abordagem quantitativa, desenvolvido no município de São Carlos – São Paulo, onde foi observado, utilizando-se instrumento norteador, as ações relativas ao manuseio do cateter intravvenoso periférico, no período de dezembro de 2017 à março de 2018. Todos os aspectos éticos foram contemplados. Resultados: Foram observados 435 cateteres. A identificação estava correta em 350 (80,5%) dos acessos venosos e a fixação apresentou aspecto inadequado em 79 (18,2%) casos. Verificou-se presença de rubor em 5 (1,2%), edema/infiltração em 2 (0,4%) e sangue no conector duas vias em 167 (38,4%) dos cateteres observados. Conclusão: As complicações encontradas, apesar de representarem pequeno número da amostra, indicam ainda práticas de não conformidade na manutenção do cateter endovenoso periférico.


Texto completo:

PDF

Referências


Infusion Nurses Society (US). Infusion nursing standards of practice. J Infus Nurs. [internet]. 2016 [citado em 8 de set. 2017];34(1S). Disponível em: http://source.yiboshi.com/20170417/1492425631944540325.pdf

New KA, Webster J, Marsh NM, Hewer B. Intravascular device use, management, documentation and complications: a point prevalence survey. Aust Health Rev. [internet]. 2014 Mai [citado em 5 mar. 2018];29;38(3):345-9. Disponível em: http://www.publish.csiro.au/AH/AH13111

Batista OMA, Coelho SNOA, Oliveira GM, Madeira MZA, Vieira CPB, Santos AMR. Risk factors for local complications of peripheral intravenous therapy factores. Rev Enferm UFPI [internet]. 2014 Jul-Sep [citado em 20 out. 2017];3(3):88-93 Disponível em: http://www.ojs.ufpi.br/index.php/reufpi/article/viewFile/1540/pdf

Ministério da Saúde (BR). Agência Nacional de Vigilância Sanitária – ANVISA. Medidas de Prevenção de Infecção Relacionada à Assistência à Saúde. Brasília: 2ª Ed. 2017

Danski MTR, Johann DA, Vayego AS, Oliveira GRL, Lind J. Complicações relacionadas ao uso do cateter venoso periférico: ensaio clínico randomizado. Acta Paul Enferm. [internet]. 2016 Fev [citado em 28 set. 2017];29(1):84-92. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v29n1/1982-0194-ape-29-01-0084.pdf

Dean AG, Sullivan KM.; Soe MM. OpenEpi: Open source epidemiologic statistics for public health, version. 2015.

Inocêncio JS, Ferreira RAS, Araújo DC, Pinheiro FGM, Vaez AC. Flebite em acesso intravenoso periférico. Arq Ciênc Saúde [internet]. 2017 Jan-Mar [citado em 6 out. 2017]; 24(1) 105-109. Disponível em: http://www.cienciasdasaude.famerp.br/index.php/racs/article/view

/403/283

Fernández‐Ruiz M, Carretero A, Díaz D, Fuentes C, González JI, García‐Reyne A, et al. Hospital-wide survey of the adequacy in the number of vascular catheters and catheter lumens. J Hosp Med. [internet]. 2014 Jan [ citado em 12 jan. 2018];9(1):35-41. Disponível em: https://www.journalofhospitalmedicine.com/jhospmed/article/128125/vascular-catheter-and-lumen-adequacy

Pérez-Granda M, Guembe M, Rincón C, Muñoz P, Bouza E. A prevalence survey of intravascular catheter use in a general hospital. J Vasc Access [internet]. 2014 Nov/Dec [citado em 14 jan. 2018];15(6):524-8. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.5301/jva.5000272?rfr_dat=cr_pub%3Dpubmed&url_ver=Z39.88-2003&rfr_id=ori%3Arid%3Acrossref.org&journalCode=jvaa

Enes SMS, Opitz SP, Faro ARMC, Pereira MLG. Flebite associada a cateteres intravenosos periféricos em adultos internados em hospital da Amazônia Ocidental Brasileira. Rev Esc Enferm USP [internet]. 2016 Mar [ citado em 07 fev. 2018];50(2):263-271. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v50n2/pt_0080-6234-reeusp-50-02-0263.pdf

Danski MTR, Oliveira GLR, Johann DA, Pedrolo E, Vayego AS. Incidência de complicações locais no cateterismo venoso periférico e fatores de risco associados. Acta Paul Enferm. [internet]. 2015 Mai [citado em 09 fev. 2018]; 28(6):517-23. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v28n6/1982-0194-ape-28-06-0517.pdf

Braga LM, Parreira PM, Oliveira ASS, Mónico LSM, Arreguy-Sena C, Henriques MA. Flebite e infiltração: traumas vasculares associados ao cateter venoso periférico. Rev Latino-Am Enfermagem [internet]. 2018 [citado em 15 fev. 2018];26:e3002. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rlae/v26/pt_0104-1169-rlae-26-e3002.pdf

Göransson KE, Johansson E. Prehospital peripheral venous catheters: a prospective study of patient complications. J Vasc Access [internet]. 2012 Jun [citado em 02 mar. 2018];13(1):16-21. Disponível em:

https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.5301/JVA.2011.8418

Wallis MC, McGrail M, Webster J, Marsh N, Gowardman J, Playford EG, et al. Risk factors for peripheral intravenous cateter failure: a multivariate analysis of data from a randomized controlled trial. Infect Control Hosp Epidemiol [internet]. 2014 Jan [citado em 08 mar. 2018]; 35:63-8. 28. Disponível em: https://research-repository.griffith.edu.au/bitstream/handle/10072/61124/91756_1.pdf

Infusion Nurses Society (US).. Infusion teraphy standards of practice. J Infus Nurs. [internet]. 2016 Jan/Fev [citado em 20 abr. 2018];39(suppl1):S1-S159. Disponível em: http://source.yiboshi.com/20170417/1492425631944540325.pdf

Rós ACR, Oliveira DR, Debon R, Scaratti M. Terapia intravenosa em idosos hospitalizados: avaliação de cuidados. Cogitare Enferm. [intertnet]. 2017 [citado em 01 mai. 2018];(22)2: e49989. Disponível em: https://revistas.ufpr.br/cogitare/article/view/49989/pdf

Timsit JF, Bouadma L, Ruckly S, Schwebel C, Garrouste-Orgeas M, Bronchard R, et al. Dressing disruption is a major risk for catheter-related infections. Crit Care Med. [internet]. 2012 [citado em 17 jun. 2018]; 2018;40:1707-14. Disponível em: https://journals.lww.com/ccmjournal/Abstract/2012/06000/Dressing_disruption_is_a_major_risk_factor_for.3.aspx

Caldana G, Gabriel CS, Bernardes A, Pádua RX, Vituri DW, Rossaneis MA. et al. Avaliação da qualidade de cuidados de enfermagem em hospital público. Semina: Ciências Biológicas e da Saúde [internet]. 2013 Jun/Dez [citado em 20 jun. 2018];34(2). Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/seminabio/article/viewFile/13913/13920

Véliz E, Vergara T, Fica A. Evaluación de las condiciones de manejo de cateteres vasculares periféricos en pacientes adultos. Rev Chilena Infectol. [internet]. 2014 Jan [citado em 04 jul. 2018]; 31 (6): 666-669. Disponível em: https://scielo.conicyt.cl/pdf/rci/v31n6/art04.pdf

Johann DA., Danski MTR, Vayego AS, Barbosa DA, Lind J. Fatores de risco para complicações no cateter venoso periférico em adultos: análise secundária de ensaio clínico randomizado. Rev Latino-Am Enfermagem [internet]. 2016 [citado em 10 ago. 2018];24:e2833. Disponível em:

http://www.scielo.br/pdf/rlae/v24/pt_0104-1169-rlae-24-02833.pdf

Webster J, McGrail M, Marsh N, Wallis MC, Ray-Barruel G, Rickard CM. Postinfusion phlebitis: incidence and risk factors. Nurs Res Pract. [internet]. 2015 [citado em 16 ago. 2018];691934. Disponível em: https://www.hindawi.com/journals/nrp/2015/691934/

Khezri HD; Zeydi AE; Mahmoodi G. How long can peripheral venous catheter remain in situ? A short literature review. J Health Spec. [internet]. 2014 [citado em 28 ago. 2018]; 2(1):37-8. Disponível em: http://www.thejhs.org/downloadpdf.asp?issn=2468-6360;year=2014;volume=2;issue=1;spage=37;epage=38;aulast=Khezri;type=2

Ferreira LR, Pedreira, MLG, Diccini S. Flebite no pré e pós-operatório de pacientes neurocirúrgicos. Acta Paul Enferm. [internet]. 2007 [citado em 04 set. 2018] ;20(1):30-6. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v20n1/a06v20n1.pdf




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2020.v11.n1.2246

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.