RISCOS À SAÚDE DE TRABALHADORES RURAIS NO EXTRATIVISMO DA PALHA DE CARNAÚBA

Francisco Rosemiro Guimarães Ximenes Neto, Francisca Sandra da Ponte Crispim

Resumo


Resumo: Objetivo: identificar os riscos à saúde dos trabalhadores rurais no extrativismo da palha de carnaúba. Metodologia: Pesquisa descritiva, do tipo estudo de caso, desenvolvida em Cariré - Ceará, no período de maio de 2016 a junho de 2017, mediante realização de estrevista semiestruturada e observação livre. A análise das informações apoiou-se no protocolo da Organização Internacional do Trabalho. Resultados: Os coletores de palha de carnaúba durante seu processo produtivo enfrentam situações que os tornam vulneráveis e os expõem a riscos físicos, químicos, biológicos, ergonômicos e organizativos, Conclusões: O estudo aponta a necessidade de ações promotoras da saúde, sobre a importância do uso adequado dos equipamentos de proteção individual para minimização dos riscos, e as consequências que podem acarretar sua falta.

Palavras-chave: População Rural; Saúde do Trabalhador; Riscos Ocupacionais.

RISK TO HEALTH OF RURAL WORKERS IN THE EXTRATIVISM OF THE STRAW OF CARNAÚBA

Abstract: Objective: to identify the health risks of rural workers in the extraction of carnauba straw. Methodology: Descriptive research, of a case study, developed in Cariré - Ceará, from May 2016 to June 2017, through semi-structured interview and free observation. The analysis of the information was based on the protocol of the International Labor Organization. Results: Carnauba straw collectors during their production process face situations that make them vulnerable and expose them to physical, chemical, biological, ergonomic and organizational risks. Conclusions: The study points out the need for health promotion actions, on the importance of appropriate use of personal protective equipment to minimize risks, and the consequences that may result of its lack.

Keyword: Rural Population; Occupational Health; Occupational Risks.

RIESGOS PARA LA SALUD DE LOS TRABAJADORES RURALES EN EL EXTRACTIVISMO DE LA PAJA DE CARNAUBA

Resumen: Objetivo: identificar los riesgos para la salud de los trabajadores rurales en el extractivismo de la paja de carnauba.
Metodología: Investigación descriptiva, del tipo estudio de caso, desarrollada en Cariré - Ceará, entre mayo de 2016 y junio de 2017, mediante entrevista semi estructurada y observación libre. El análisis de las informaciones se basó en el protocolo de la Organización Internacional del Trabajo. Resultados: Los recolectores de paja de carnauba durante su proceso productivo enfrentan situaciones que les dejan vulnerables y les exponen a riesgos físicos, químicos, biológicos, ergonómicos y organizativos, Conclusiones: El estudio indica la necesidad de acciones promotoras de la salud, en relación a la importancia del uso adecuado de los equipamientos de protección individual para la minimización de los riesgos, y las consecuencias que puede acarrear su falta.

Palabra clave: Población Rural; Salud Laboral; Riesgos Laborales.


Texto completo:

PDF

Referências


D’Alva OA. O extrativismo da Carnaúba no Ceará. 2004. 186 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) – Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza; 2004. Disponível em: https://www.google.com.br/search?q=O+extrativismo+da+Carna%C3%BAba+no+Cear%C3%A1&oq=O+extrativismo+da+Carna%C3%BAba+no+Cear%C3%A1&aqs=chrome..69i57.5167j0j4&sourceid=chrome&ie=UTF-8. Citado em: 2 Jun 2017.

Costa VLS, Gomes JMA. Crédito e conservação ambiental no extrativismo da carnaúba (Copernicia prunifera (Mill.) H. E. Moore) no nordeste brasileiro no período de 2007 a 2012. Interações (Campo Grande). [Internet]. 2016 Mar [cited 2018 Mar 8]; 17(1): 4-14. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1518-70122016000100004&lng=en&nrm=iso.

Sousa RF, Silva RAR, Rocha TGF, Santana JAS, Vieira FA. Etnoecologia e etnobotânica da palmeira carnaúba no semiárido brasileiro. CERNE. [Internet]. 2015 [cited 2018 Ago 15]; 21(4):587-594. Available from: . ISSN 0104-7760. http://dx.doi.org/10.1590/01047760201521041764.

Carvalho JNF, Gomes JMA. Indicadores socioeconômicos dos trabalhadores da extração do pó cerífero da carnaúba. In: Gomes JMA, Santos KB, Silva MS (Org.). Cadeia produtiva da cera de carnaúba: diagnóstico e cenários. Teresina: EDUFPI; 2006. p. 119-129.

Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (ADECE). Câmara Setorial da Carnaúba. A carnaúba: preservação e sustentabilidade. Fortaleza: Câmara Setorial da Carnaúba, 2009. [cited 2017 Mai 8]. Available from: http://www.adece.ce.gov.br/phocadownload/Agronegocio/cartilha_carnauba.pdf.

Ximenes Neto FRG, Aurelio DO, Santos FD, Ferreira VES, Ribeiro RA, Linhares MSC. Perfil dos acidentes de trabalho em trabalhadores rurais no Semiárido Cearense. Enferm Foco. [Internet]. 2016 [cited 2018 Ago 15]; 7(1):56-60. Available from: http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/viewFile/668/286

Marques SMT, Silva GP. Trabalho e acidentes no meio rural do Oeste Catarinense - Santa Catarina, Brasil. Rev. Bras. Saúde Ocup. [Internet]. 2003 [cited 2017 Sep 24]; 28(107-108): 101-105. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0303-76572003000200009&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0303-76572003000200009.

Organização Internacional do Trabalho (OIT). La prevención de las emfermedades profesionales. Genebra; 2013 [acesso em: 2017 Set 1]. Disponível em: http://www.oitbrasil.org.br/sites/default/files/topic/gender/doc/dia282013b_1007.pdf.

Yin RK. Estudo de caso: planejamento e métodos. 5a. Trad. Daniel Grassi. Porto Alegre: Bookman; 2015.

Brasil. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Cidades@. Ceará – Cariré: Informações Completas. Disponível: http://cidades.ibge.gov.br/xtras/perfil.php?lang=&codmun=230310&search=||infogr%E1ficos:-informa%E7%F5es-completas. Citado em: 5 jun. 2017.

Minayo MCS. O Desafio do Conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 14ª ed. São Paulo: HUCITEC; 2014.

Organização Internacional do Trabalho (OIT). Programa de Actividades Sectoriales. Repertorio de recomendacion esprácticas sobre seguridad y saludenla agricultura. Ginebra (CH): Oficina Internacional del Trabajo; 2010. Acesso em: 2017 jun 18. Disponível em: http://www.ilo.org/wcmsp5/groups/public/---ed_protect/---protrav/---safework/documents/normativeinstrument/wcms_112442.pdf.

Rodrigues BC, Moreira CCC, Triana TA, Rabelo JF, Higarashi IH. Limitações e consequências na vida do trabalhador ocasionadas por doenças relacionadas ao trabalhor. Rev Rene. [Internet]. 2013 [cited 2018 Ago 15]; 14(2):448-457. Available from: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=324027986021.

Franco-Benatti DM. Acidentes e doenças relacionadas ao trabalho na indústria de calçados de franca-SP. Ribeirão Preto. Dissertação [Mestrado em Ciências] - Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto; 2011. Acesso em: 2018 Jun 6. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-27092011-112908/pt-br.php>.

Leitão IMTA, Fernandes AL, Costa Ramos IC. Saúde ocupacional: analisando os riscos relacionados à equipe de enfermagem numa unidade de terapia intensiva. Ciênc. Cuid. Saúde. [Internet]. 2008 [cited 2018 Ago 15]; 7(4):476-84. Available from: http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/CiencCuidSaude/article/view/6630

Neves HCC, Souza ACS, Medeiros M, Munari DBt, Ribeiro LCM, Tipple AFV. Safety of nursing staff and determinants of adherence to personal protective equipment. Rev. Latino-Am. Enfermagem [Internet]. 2011 Apr [cited 2018 Aug 15]; 19(2): 354-361. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-11692011000200018&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692011000200018.

Câmara GR, Assunção AÁ, Lima FPA. Os limites da abordagem clássica dos acidentes de trabalho: o caso do setor extrativista vegetal em Minas Gerais. Rev. bras. saúde ocup. [Internet]. 2007 [cited 2017 Mai 29]; 32(115):41-51. Available from:http://www.scielo.br/pdf/rbso/v32n115/05.pdf.

Barzotto PC. Riscos e Acidentes na Indústria Frigorífica: Processo de abate de frango. 2013.69f. Monografia (Especialização em Gestão Engenharia de Segurança do Trabalho) - Universidade Federal de Educação Tecnológica do Paraná, Curitiba, 2013. Citado em: 07 de junho de 2017. [Acesso em: 2017 jun 7]. Disponível em: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/bitstream/1/1356/1/CT_CEEST_XXIV_2013_27.pdf.

Cunha QB, Camponogara S, Freitas EO, Pinno C, Dias GL, Cesar MP. Fatores que interferem na adesão às precauções padrão por profissionais da saúde: revisão integrativa. Enferm Foco. [Internet]. 2017 [cited 2018 Dez 15]; 8(1):72-76. Available from: . doi:https://doi.org/10.21675/2357-707X.2017.v8.n1.980.

Teixeira JRB, Santos NA, Sales ZN, Moreira RM, Boery RNSO, Boery EN et al. Utilização dos equipamentos de proteção individual por mototaxistas: percepção dos fatores de risco e associados. Cad. Saúde Pública [Internet]. 2014 Apr [cited 2017 Sep 24]; 30(4): 885-890. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2014000400885&lng=en.

Organização Internacional do Trabalho (OIT). Sistema de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho: um instrumento para uma melhoria contínua. Turim (IT): OIT; 2011. [Internet]. 2011 [cited 2017 Mai 2]. Available from: http://www.ilo.org/safework/info/publications/WCMS_154878/lang--en/index.htm.

Areosa, J. As perceções de riscos ocupacionais no setor ferroviário. Sociologia, Problemas e Práticas. [Internet]. 2014 maio [cited 2018 Mar 8]; 75: 83-107. Available from: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0873-65292014000200004&lng=pt&nrm=iso. http://dx.doi.org/10.7T458/SPP2014753577.

Freite MA, Oliveira EN, Ximenes Neto FRG, Lopes RE, Ferreira AGN, Gomes BV, Síndrome de Burnout: un estudio con profesores. Salud trab. (Maracay). [Internet]. 2015 Ene. - Jun. [cited 2018 Sep 24]; 23(1):19-27. Available from: http://www.scielo.org.ve/pdf/st/v23n1/art03.pdf.

Luz FR, Loro MM, Zeitoune RCG, Kolankiewicz ACB, Rosanelli CSP. Riscos ocupacionais de uma indústria calçadista sob a ótica dos trabalhadores. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2013 Feb [cited 2017 Sep 24]; 66(1): 67-73. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672013000100010&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672013000100010.

Leite HDCS, Carvalho MTR, Cariman SLS, Araújo ERM, Silva NC, Carvalho AO. Risco ocupacional entre profissionais de saúde do serviço de atendimento móvel de urgência - SAMU. Enferm Foco. [Internet]. 2017 [cited 2018 Dez 15]; 7(3/41):31-35. Available from: . doi:https://doi.org/10.21675/2357-707X.2016.v7.n3/4.912.

Girondi JBR, Gelbcke FL. Percepção do enfermeiro sobre os efeitos do trabalho noturno em sua vida. Enferm Foco. [Internet]. ago 2011 [cited 2019 Maio 15]; 2(3):191-194. Available from: . doi:https://doi.org/10.21675/2357-707X.2011.v2.n3.133.




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2019.v10.n2.2281

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.