AVALIAÇÃO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA EM SÃO SEBASTIÃO – DISTRITO FEDERAL

Virgílio Luiz Marques de Macedo, Luciana Fontes Vieira, Rinaldo de Souza Neves, Suderlan Sabino Leandro

Resumo


Objetivo: Avaliar a qualidade da assistência prestada por profissionais da Estratégia Saúde da Família em São Sebastião, Distrito Federal, na atenção a pacientes portadores de Hipertensão Arterial Sistêmica e Diabetes Mellitus. Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo-exploratório transversal de cunho quantitativo com 107 usuários e 27 profissionais de saúde. Resultados: Foram avaliados como satisfatórios pelos usuários apenas os atributos acesso de primeiro contato – utilização e coordenação – sistema de informação. Para os profissionais, os atributos acesso de primeiro contato – acessibilidade e orientação comunitária foram considerados insatisfatórios, indicando que a qualidade da assistência por meio do acesso e informação é aceitável para os usuários e deficiente para os profissionais. Conclusão: Os dados apresentados evidenciam que a Atenção Primária a Saúde não está exercendo sua função de porta de entrada, de coordenadora e ordenadora da Rede de Atenção à Saúde.

Descritores: Avaliação em Saúde; Atenção Primária à Saúde; Estratégia de Saúde da Família; Hipertensão; Diabetes Mellitus.

EVALUATION OF THE FAMILY HEALTH STRATEGY IN SÃO SEBASTIÃO - FEDERAL DISTRICT

Objective: To evaluate the quality of care provided by the health team of Primary Health Care of São Sebastião, Distrito Federal, in the attention to patients with Systemic Arterial Hypertension and Diabetes Mellitus. Method: This is a descriptive-exploratory cross-sectional quantitative study with 107 patients e 27 health profissionals. Results: Only the attributes of first contact access - utilization and coordination - information system were evaluated as satisfactory by the users. For professionals, the attributes of first contact access - accessibility and community orientation were considered unsatisfactory, indicating that the quality of care through access and information is acceptable for users and disabled for professionals. Conclusion: The data presented shows that Primary Health Care is not performing its function as gateway, as coordinator and ordinator of the Health Care Network.

Descriptors: Health Evaluation; Primary Health Care; Hypertension; Diabetes Mellitus.

EVALUACIÓN DE LA ESTRATEGIA SALUD DE LA FAMILIA EN SÃO SEBASTIÃO - DISTRITO FEDERAL

Objetivo: Evaluar la calidad de la asistencia prestada por profesionales de la Estrategia Salud de la Familia en São Sebastião, Distrito Federal, en la atención a pacientes portadores de Hipertensión Arterial Sistémica y Diabetes Mellitus. Método: Se trata de un estudio descriptivo-exploratorio transversal de cuño cuantitativo com 107 clientes e 27 profesionales de salud. Resultados: Se evaluaron como satisfactorios por los usuarios sólo los atributos acceso de primer contacto - utilización y coordinación - sistema de información. Para los profesionales, los atributos acceso de primer contacto - accesibilidad y orientación comunitaria se consideraron insatisfactorios, indicando que la calidad de la asistencia a través del acceso e información es aceptable para los usuarios y deficiente para los profesionales. Conclusión: Los datos presentados evidencian que la Atención Primaria a la Salud no está ejerciendo su función de puerta de entrada, de coordinadora y ordenadora de la Red de Atención a la Salud.

Descriptores: Evaluación en Salud; Atención Primaria de Salud; Hipertensión; Diabetes Mellitus.


Texto completo:

PDF

Referências


Mendes EV. O cuidado das doenças crônicas na atenção primária à saúde: o imperativo da consolidação da estratégia da saúde da família. Brasília: Organização Pan-Americana da Saúde; 2012.

Lavras C. Atenção primária à saúde e a organização de redes regionais de atenção à saúde no Brasil. Saúde Soc. [Internet]. 2011 dez [cited 2018 Out 01];20(4):867-874. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-12902011000400005&lng =em. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-12902011000400005.

Starfield B. Atenção primária: equilíbrio entre necessidades de saúde, serviços e tecnologia. Brasília: Ministério da Saúde; 2002.

Ministério da Saúde (Brasil). Secretaria de Atenção em Saúde. Departamento de Atenção Básica. Manual do instrumento de avaliação da atenção primária à saúde: Primary Care Assessment Tool PCATool. Brasília: Ministério da Saúde; 2010.

Mendes EV. A atenção primária à saúde no SUS. Fortaleza: Escola de Saúde Pública do Ceará; 2002.

Francisco PMSB, Segri NJB, Barros MBA, Carvalho MD. Desigualdades sociodemográficas nos fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis: inquérito telefônico em Campinas, São Paulo. Epidemiol Serv Saude [Internet]. 2015 mar [cited 2018 Out 01];24(1):7-18. Available from: http://dx.doi.org/10.5123/S1679-49742015000100002.

Companhia de Planejamento do Distrito Federal [Internet]. Pesquisa Distrital por amostra de domicílios – PDAD. Brasília; 2015 [cited 2018 Out 01]. Available from: http://www.codeplan.df.gov.br/pdad-2015/.

Conselho Nacional de Saúde (BR). Resolução nº 466 de 12 de dezembro de 2012. Diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. D O União [Internet]. 2013 jun 13 [cited 2018 Out 01]. Available from: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/cns/2013/ res0466_12_12_2012.html.

Secretaria do Estado de Saúde do Distrito Federal [Internet]. Plano Distrital de Saúde [cited 2018 Out 01]. Available from: http://www.saude. df.gov.br/plano-distrital-de-saude/.

Norrama AS, Débora RL, Monyk KBG, Marlene AM, Giulena RL, Luiz AS, et al. Avaliação dos Atributos da Atenção Primária por Profissionais de Saúde. Rev APS [Internet]. 2017 jul./set [cited 2018 Out 01];20(3):339-348. Available from: https://aps.ufjf.emnuvens.com.br/aps/article/view/2972/1115.

Paula WKAS, Samico IC, Caminha MFC, Batista FM, Silva SL. Primary health care assessment from the users’ perspectives: a systematic review. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2016 Mar./Apr [cited 2018 Out 1];50(2):331- 340. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&p id=S0080-62342016000200335. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0080- 623420160000200021.

Mazutti-Penso J, Périco E, Oliveira M, Guimarães-Strohschoen A, Carreno I, Rempel C. Avaliação da Atenção Primária à Saúde utilizando o Instrumento PCATool-Brasil. Rev Bras Med Fam Comunidade [Internet]. 2017 jun 22 [cited 2018 Out 1];12(39):1-9. Available from: https://www.rbmfc. org.br/rbmfc/article/view/1212.

Martins J, Abreu S, Quevedo M, Bourget M. Estudo comparativo entre Unidades de Saúde com e sem Estratégia Saúde da Família por meio do PCATool. Rev Bras Med Fam Comunidade [Internet]. 2017 jan 11 [cited 2018 Out 01];11(38):1-13. Available from: https://www.rbmfc.org.br/rbmfc/article/ view/1252.

Batista VCL, Ribeiro LCC, Ribeiro CDAL, Paula FA, Araújo A. Avaliação dos Atributos da Atenção Primária à Saúde segundo os Profissionais de Saúde da Família. Sanare (Internet) 2016 jun./dez [cited 2018 Out 01];15(2): 87-93. Available from: https://sanare.emnuvens.com.br/sanare/article/viewFile/1042/588.

Prates ML, Machado JC, Silva LS, Avelar PS, Prates LL, Mendonça ET, et al. Desempenho da Atenção Primária à Saúde segundo o instrumento PCATool: uma revisão sistemática. Cienc Saude Colet [Internet]. 2017 jun [cited 2018 Out 01];22(6):1881-1893. Available from: http://www.scielo.br/ scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232017002601881&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232017226.14282016.

Silva SA, Baitelo TC, Fracolli LA. Primary Health Care Evaluation: the view of clients and professionals about the Family Health Strategy. Rev Lat Am Enfermagem [Internet]. 2015 Out [cited 2018 Out 01];23(5):979-987. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-1169 2015000 500979&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/0104-1169.0489.2639.

Ministério da Saúde (BR). Portaria nº 2.436, de 21 de setembro de 2017. Política Nacional de Atenção Básica. D O Uniao [Internet]. 2017 nov. 15 [cited 2018 Out 01]; Seção 1.

Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Brasil). A atenção primária em saúde e as redes de atenção à saúde. Brasília: CONASS; 2015.

Fernandes LA, Neves RS, Leandro SS, Monteiro PS. coordenação do cuidado em uma região administrativa do Distrito Federal: uma pesquisa avaliativa. Enferm Foco [Internet]. 2018 jul [cited 2019 May 11];9(1):13-18. Available from: http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/ view/1554. DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2018.v9.n1.1554 .




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2019.v10.n3.2330

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.