Programa de tratamento fora de domicílio: análise à luz da integralidade

Camila Rodrigues Barbosa Nemer, Gabrielle Paixão Guedes, Natália Ramos dos Santos, Francineide Pereira da Silva Pena, Walter de Souza Tavares, Elizabeth Teixeira

Resumo


Objetivo: Analisar a percepção dos usuários sobre o atendimento às necessidades de saúde ofertadas pelo Programa de Tratamento Fora de Domicílio no Estado do Amapá à luz do princípio da integralidade. Método: Estudo exploratório com abordagem qualitativa. Realizado no polo de referência do Programa de Tratamento Fora de Domicílio da cidade de Macapá, AP, Brasil, no segundo semestre de 2018, com 17 usuários. Para a coleta de dados realizaram-se entrevistas. Os dados foram analisados por meio da análise de conteúdo temático categorial. Resultados: Emergiram três categorias de análise: Necessidades de saúde e processo de busca pelo tratamento; Viagens, dificuldades e facilidades; Necessidades familiares e sociais. Conclusão: O programa apresenta fragilidades e soluções de continuidade, que permite afirmar o prejuízo ao cumprimento do princípio da integralidade.

Descritores: Integralidade em Saúde; Acesso aos Serviços de Saúde; Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde.


Objective: To analyze the perception of users about meeting the health needs offered by the Out-of-Home Treatment Program in the State of Amapá in the light of the principle of integrality. Method: Exploratory study with a qualitative approach. Held at the reference pole of the Out of Home Treatment Program in the city of Macapá, AP, Brazil, in the second half of 2018, with 17 users. For data collection, interviews were conducted. The data were analyzed through the analysis of categorical thematic content. Results: Three categories of analysis emerged: Health needs and the process of seeking treatment; Travel, difficulties and facilities; Family and social needs. Conclusion: The program presents weaknesses and solutions for continuity, which makes it possible to affirm the damage to compliance with the principle of integrality.

Descriptors: Integrality in Health; Health Services Accessibility; Health Services Needs and Demand.

 

Objetivo: Analizar la percepción de los usuarios sobre la satisfacción de las necesidades de salud que ofrece el Programa de Tratamiento Fuera del Hogar en el Estado de Amapá a la luz del principio de integralidad. Método: Estudio exploratorio con enfoque cualitativo. Celebrada en el polo de referencia del Programa de tratamiento fuera del hogar en la ciudad de Macapá, AP, Brasil, en la segunda mitad de 2018, con 17 usuarios. Para la recopilación de datos, se realizaron entrevistas. Los datos se analizaron mediante el análisis de contenido temático categórico. Resultados: Surgieron tres categorías de análisis: Necesidades de salud y el proceso de búsqueda de tratamiento; Viajes, dificultades e instalaciones; Necesidades familiares y sociales. Conclusión: El programa presenta debilidades y soluciones para la continuidad, lo que permite afirmar el daño al cumplimiento del principio de integralidad.

Descriptores: Integralidad en Salud; Accesibilidad a los Servicios de Salud; Necesidades y Demandas de Servicios de Salud.


Texto completo:

PDF

Referências


Santos AGD, Baretta E. Perfil dos pacientes usuários de tratamento fora de domicílio de Erval Velho - SC. Universidade do Oeste de Santa Catarina [Internet]. 2016 [cited 2018 nov 20]. Available from: http://www.uniedu.sed.sc.gov.br/wp-content/uploads/2016/09/unoescAdriana-Galhotto-dos-Santos.pdf

Paraná. Manual de Regulamentação para Tratamento Fora de Domicílio/ TFD no Sistema Único de Saúde – SUS- PR [Internet]. 2007 [cited 2018 out 25]. Available from: http://www.saude.pr.gov.br/arquivos/File/CIB/DEL2007/del034_1_07.PDF

Laboratório de Pesquisas de Práticas de Integralidade em Saúde (LAPPIS). Conceito de Integralidade em Saúde [Internet]. 2020 [cited 2020 Jan 22]. Available from: https://lappis.org.br/site/conceito-de-integralidade-em-saude

Bardin L. Análise de Conteúdo. Lisboa, Portugal; Edições 70, LDA, 2011.

Oro J, Matos E. Organização do trabalho da enfermagem e assistência integral em saúde. Enferm. Foco [Internet]. 2011 [cited 2020 Jan 22]; 2(2), 137-140. Available from: doi:https://doi.org/10.21675/2357-707X.2011.v2.n2.113

Gelbcke F, Reibnitz SK, Prado ML, Lima MM, Kloh D. A práxis da enfermeira e a integralidade no cuidado. Enferm. Foco [Internet]. 2011 [cited 2020 Jan 22]; 2(2), 116-119. Available from: doi:https://doi.org/10.21675/2357-707X.2011.v2.n2.108

Vieira EWR, Lima TMN, Gazzinelli A. Tempo de espera por consulta médica especializada em um município de pequeno porte de Minas Gerais. REME rev. min. enferm. [Internet]. 2015 [cited 2018 nov 26]; 19(1):65-71. Available from: http://www.reme.org.br/exportarpdf/986/v19n1a06.pdf

Franco TB, Magalhães Junior HM. Integralidade na assistência à saúde: a organização das linhas do cuidado [Internet]. São Paulo - SP, 2004 [cited 2018 nov 26]. Available from: http://www1.saude.rs.gov.br/dados/1311947118612INTEGRALIDADE%20NA%20ASSIST

%CANCIA%20%C0%20SA%DADE%20-%20T%FAlio.pdf

Pessoa VM, Almeida MM, Carneiro FF. Como garantir o direito à saúde para as populações do campo, da floresta e das águas no Brasil?. Saúde debate [Internet]. 2018 Sep [cited 2020 Jan 22]; 42(spe1): 302-314. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-11042018000500302&lng=en.

Garnelo L, Sousa ABL, SCO. Regionalização em Saúde no Amazonas: avanços e desafios. Ciênc. saúde colet. [Internet]. 2017 Apr [cited 2020 Jan 22]; 22(4): 1225-1234. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232017002401225&lng=en.

Sales OP, Vieira APB, Martins AM, Garcia LG, Ferreira RKA. O Sistema único de Saúde: desafios, avanços e debates em 30 anos de história. Rev. Hum. Inov.[internet]. 2019 [cited 2020 mar 31]; 6(17): 54-65. Available from: https://revista.unitins.br/index.php/humanidadeseinovacao/article/view/1045a

Marin HF. Sistema de informação em saúde: considerações gerais. Journal of Health Informatics. [Internet]. 2010 [cited 2018 nov 26]; 2(1): 20-24. Available from: http://www.jhi-sbis.saude.ws/ojs-jhi/index.php/jhi-sbis/article/viewFile/4/52

Hartz ZMA, Contandriopoulos AP. Integralidade da atenção e integração de serviços de saúde: desafios para avaliar a implantação de um "sistema sem muros". Cad. Saúde Pública [Internet]. 2004 [cited 2020 Jan 22] ; 20(Suppl 2): S331-S336. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2004000800026&lng=en

Barbosa HHMM, Santos ALM, Cruz RAP, Borges RGL, Rodrigues Neto TS. Perfil dos pacientes atendidos pelo programa Tratamento Fora de Domicílio no Município de Belém, Estado do Pará, Brasil. Rev. Pan-Amazônica Saúde [Internet]. 2010 Set [citado 2020 Jan 22]; 1(3): 43-47. Disponível em: http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232010000300006&lng=pt.

Gomes FFC, Cherchiglia ML, Machado CD, Santos VC, Acurcio FA, Andrade ELG. Acesso aos procedimentos de média e alta complexidade no Sistema Único de Saúde: uma questão de cialização. Cad. Saúde Pública [Internet]. 2014 Jan [cited 2020 Jan 22] ; 30(1): 31-43. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2014000100031&lng=en.

Fracolli LA, Zoboli ELP, Granja GF, Ermel RC. Conceito e prática da integralidade na Atenção Básica: a percepção das enfermeiras. Rev. Esc. enferm. USP [Internet]. 2011 Oct [cited 2020 Jan 22]; 45(5): 1135-1141. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0080-62342011000500015&lng=en.

Mattos RA. A integralidade na prática (ou sobre a prática da integralidade). Cad. Saúde Pública [Internet]. 2004 Oct [cited 2020 Jan 22]; 20(5): 1411-1416. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2004000500037&lng=en.

Arruda NM, Maia AG, Alves LC. Desigualdade no acesso à saúde entre as áreas urbanas e rurais do Brasil: uma decomposição de fatores entre 1998 a 2008. Cad. Saúde Pública [Internet]. 2018 [cited 2020 Jan 22]; 34(6): e00213816. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2018000605003&lng=en.




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2020.v11.n2.3092

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.