PARCERIA CAPES/COFEN: APOIO A PROGRAMAS DE MESTRADO PROFISSIONAL

Diego Borges de Carvalho, Maxwell Santana Fonseca, Cristiane de Oliveira Barreto

Resumo


Resumo: o presente texto tem como objetivo tratar da parceria CAPES/COFEN, firmada em 2016, em prol do aperfeiçoamento de profissionais da área de Enfermagem, a partir do Mestrado Profissional (MP). Neste texto, definimos o MP, no âmbito da CAPES, e abordamos a sua importância no preenchimento de lacunas na formação continuada do Enfermeiro atuante no Sistema Único de Saúde (SUS).

CAPES / COFEN PARTNERSHIP: SUPPORT FOR PROFESSIONAL MASTER PROGRAMS

Abstract: this text aims to address the CAPES/COFEN partnership, signed in 2016, for the improvement of nursing professionals through a Professional Master Program (MP). In this text, we define the MP with regard to CAPES (Federal Agency for Support and Evaluation of Graduate Education) and address its importance in filling gaps in the continuing education of nurses working within the Unified Health System (SUS).

SOCIEDAD CAPES/COFEN: APOYO A PROGRAMAS MAESTROS PROFESIONALES

Resumen: Este texto tiene como objetivo abordar la asociación CAPES / COFEN, firmada en 2016, para la mejora de los profesionales de enfermería a través de un Programa Master Profesional (MP). En este texto, definimos el MP con respecto a CAPES (Agencia Federal para el Apoyo y Evaluación de la Educación de Graduados) y abordamos su importancia para llenar los vacíos en la educación continua de las enfermeras que trabajan dentro del Sistema Único de Salud (SUS).


Texto completo:

PDF

Referências


Ribeiro RJ. O mestrado profissional na política atual da Capes. Revista Brasileira de Pós-graduação. 2005 julho; 2 (4): 8-15.

Ribeiro RJ. Ainda sobre o mestrado profissional. Revista Brasileira de Pós-graduação. 2006 dezembro; 3 (6): 313-315.

BRASIL. Constituição. Portaria CAPES nº 047, de 17 de outubro de 1995. Determina a implantação na Capes de procedimentos apropriados à recomendação, acompanhamento e avaliação de cursos de mestrado dirigidos à formação profissional, etc. 17 out 1995.

BRASIL. Constituição. Portaria CAPES nº 080, de 16 de dezembro de 1998. Dispõe sobre o reconhecimento dos mestrados profissionais e dá outras providências. 16 dez 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. V Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG) 2005-2010. Brasília: CAPES, 2005.

Barros EC, Valentim MC, Melo MAA. O debate sobre o mestrado profissional na Capes: trajetória e definições. Revista Brasileira de Pós-graduação. 2005 julho; 4 (2): 124-138.

BRASIL. Ministério da Educação. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Plano Nacional de Pós-Graduação 2011-2020. Brasília: CAPES, 2005, 262p.

Stadler GP. Sistematização da assistência de enfermagem em unidade de terapia intensiva: implementação de protocolo de banho no leito para pacientes adultos críticos. Dissertação de Mestrado. Porto Alegre: Universidade do Vale do Rio dos Sinos, 2019.

BRASIL. Constituição. Portaria CAPES nº 60, de 20 de março de 2019. Dispõe sobre o mestrado e doutorado profissionais, no âmbito da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES. 20 mar 2019.

BRASIL. Conselho Federal de Enfermagem. Lei nº 7.498, de 25 de junho de 1986. Dispõe sobre a regulamentação do exercício de enfermagem e dá outras providências. 25 jun 1986.

BRASIL. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução nº 358, de 15 de outubro de 2009. Dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implantação do Processo de Enfermagem em ambientes públicos ou privados, em que ocorre o cuidado profissional de Enfermagem e dá outras providências. 15 out 2009.




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2019.v10.n7.3176

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.