Produção do cuidado de enfermagem à saúde de homens em privação de liberdade: discurso coletivo

Naomy Safira Batista da Silva, Anderson Reis de Sousa, Kelane Borges Rocha de Souza, Josias Alves de Oliveira, Álvaro Pereira

Resumo


Objetivo: Conhecer, através do discurso de profissionais de Enfermagem, como se dá o cuidado prestado à saúde de homens em privação de liberdade no sistema prisional. Métodos: Trata-se de um estudo de campo, qualitativo, descritivo e exploratório desenvolvido no Conjunto Penal de Feira de Santana - Bahia. A coleta de dados foi realizada por meio da entrevista semiestruturada com 5 profissionais e a análise do conteúdo se deu pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Resultados: Foi evidenciada uma prática de cuidado norteada pelo modelo biomédico, com perspectivas idealísticas de mudança. Conclusão: O conhecimento técnico e científico, a consciência da relevância do papel do profissional de enfermagem e a sensibilidade aos ajustes para promover saúde na penitenciária são itens necessários para uma prestação do cuidado de Enfermagem adequada.

Descritores: Enfermagem; Saúde do homem; Prisões.

PRODUCTION OF NURSING CARE TO MEN’S HEALTH IN DEPRIVATION OF LIBERTY: COLLECTIVE DISCOURSE

Objective: To know, through the discourse of nursing professionals, how the health care of men in deprivation of liberty in the prison system. Methods: This is a field study, qualitative, description and explorer developed in a Conjunto Penal de Feira de Santana - Bahia. The data collection was performed through semi-structured interviews with 5 professionals and content analysis was performed using the Collective Subject Discourse technique. Results: An assistance practice based on the biomedical model was evidenced, with ideal prospects for change. Conclusion: Technical and scientific knowledge, awareness of the importance of the nursing professional’s role and sensitivity to adjustments to promote health in the penitentiary are necessary items for the provision of adequate nursing care.

Descriptors: Nursing; Men’s health; Prisons.

PRODUCCIÓN DE CUIDADOS DE ENFERMERÍA PARA LA SALUD DEL HOMBRES PRIVADOS DE LIBERTAD: DISCURSO COLECTIVO

Objetivo: Aprender, a través del discurso de los profesionales de enfermería, cómo se brinda atención médica a los hombres privados de libertad en el sistema penitenciario. Métodos: Estudio de campo cualitativo, descriptivo y exploratorio, desarrollado en el Conjunto Penal de Feira de Santana - Bahia. La recolección de datos se realizó a través de entrevistas semiestructuradas com 5 professionales y análisis de contenido, utilizando la técnica del Discurso colectivo del sujeto. Resultados: Se evidenció una práctica asistencial basada en el modelo biomédico, con perspectivas idealistas de cambio. Conclusión: El conocimiento técnico y científico, el conocimiento de la relevancia del papel del profesional de enfermería y la sensibilidad a los ajustes para promover la salud en el centro penitenciario son elementos necesarios para la provisión de cuidados de enfermería adecuados.

Descriptores: Enfermería; Salud del hombre; Prisiones.


Texto completo:

PDF

Referências


Ministério da Justiça (BR). Departamento Penitenciário Nacional. Sistema Integrado de Informações Penitenciárias – InfoPen. Brasil [internet] Julho. 2017. [citado em 20 jan 2020]. Disponível em: [http://depen.gov.br/DEPEN/depen/sisdepen/infopen/relatorios-sinteticos/infopen-jun-2017-rev-12072019-0721.pdf]

WHO. Organização das Nações Unidas. Global Prison Trends 2018. Bangkok [internet] 2018.[citado em 30 jan 2020]. Disponível em: [https://cdn.penalreform.org/wp-content/uploads/2018/04/PRI_Global-Prison-Trends-2018_EN_WEB.pdf]

Tribunal de Contas da União (BR). Realidade prisional: auditoria mostra que o custo mensal do preso é desconhecido em vários Estados. Brasília [internet] 2017 [citado em 03 Fev 2020]. Disponível em: [https://portal.tcu.gov.br/imprensa/noticias/realidade-prisional-auditoria-mostra-que-o-custo-mensal-do-preso-e-desconhecido-em-varios-estados.htm]

Brasil. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília [internet] 1988 [citado em 24 Jan 2020. Disponível em: [http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm]

Ministério da Saúde (BR). Plano Nacional de Saúde do Sistema Penitenciário. Brasília [internet] 2004 [citado em 24 jan 2020]. Disponível em: [http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/cartilha_pnssp.pdf].

Teixeira BV. Adaptando o corpo ao espaço de confinamento: um estudo antropológico sobre práticas corporais no presídio central de Porto Alegre. Porto Alegre [internet] 2009 [citado em 28 Jan 2020]. Disponível em: [https://lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/18334/000728555.pdf?sequence=1&isAllowed=]

Brasil. Lei nº 8.080 de 19 de Setembro de 1990 - Lei Orgânica da Saúde. Brasília [internet] 1990 [citado em 30 Jan 2020]. Disponível em: [https://lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/18334/000728555.pdf?sequence=1&isAllowed=y]

Ministério da Saúde (BR). Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional. Brasília [internet] 2014 [citado em 30 jan 2020]. Disponível em: [http://www.as.saude.ms.gov.br/wp-content/uploads/2016/06/Cartilha-PNAISP.pdf]y]

Conselho Federal de Enfermagem (BR). Resolução COFEN nº 564/2017 - Código de Ética dos Profissionais de Enfermagem. Brasília [internet] 2017 [citado em 30 jan 2020]. Disponível em:[http://www.cofen.gov.br/resolucao-cofen-no-5642017_59145.html]

Lefèvre F, Lefèvre AMC. Discurso do sujeito coletivo: um novo enfoque em pesquisa qualitativa. 2ª ed. Caxias do Sul: EDUCS; 2005.

Lemos RCA, Jorge LLR, Almeida LS, Castro AC. Visão dos enfermeiros sobre a assistência holística ao cliente hospitalizado. Rev. Eletr. Enf. [Internet]. abr./jun 2010 [citado em 28 Jan 2020] 12(2):354-9. Disponível em: [http://dx.doi.org/10.5216/ree.v12i2.5544].

Oro J, Matos E. Organização do trabalho da enfermagem e assistência integral em saúde. Enfermagem em Foco [internet] 2011 [citado em 05 fev 2020] 2(2):137-140. Disponível em: [http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/113/95]

Amorim LKA, Souza NVDO , Pires AS, Ferreira ES, Souza MB, Vonk ACRP. The Nurse’s Role: Recognition and Professional Appreciation in the User’s View. Rev enferm UFPE on line, Recife [internet] maio 2017 [citado em 28 Jan 2020] 11(5):1918-25. Disponível em: [https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/viewFile/23341/18946]

Silva AAS, Sousa KAA, Araújo TME. Sistematização da assistência de enfermagem em uma unidade prisional fundamentada na Teoria de Orem. Revista de Enfermagem da UFSM [internet] nov. 2017 [citado em 28 Jan 2020] v. 7, n. 4, p. 725 - 735. Disponível em: [https://periodicos.ufsm.br/reufsm/article/view/22076]

Sousa KAA, Araújo TME, Teles SA, Rangel EML, Nery IS. Factors associated with HIV prevalence in a prison population. Rev. esc. enferm. USP [Internet]. 2017 [citado 2020 Jan 28] ; 51: e03274. Disponível em: [http://www.revenf.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0080-62342017000100470&lng=pt. Epub 18-Dez-2017].

Silva, AAS, Araújo TME, Teles SA; Magalhães, RLB; Andrade ELR. Prevalence of hepatitis B and associated factors in prisoners. Acta paul. enferm. [Internet]. 2017 Jan [citado em 29 Jan 2020] 30( 1 ): 66-72. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-21002017000100066&lng=en.

Choudhry K, Armstrong D, Dregan, A. Nurses’ Perceptions of Weight Gain and Obesity in the Prison Environment. Journal of Correctional Health Care. SAGE journal [internet] 2017 [citado em 29 Jan 2020] 23(2), 173–183. Disponível em: [https://doi.org/10.1177/1078345817699830]

Ministério de Saúde (BR). Atenção Básica. Brasília. 2017 [citado em 30 de Jan de 2020]. Disponível em: [http://www.saude.gov.br/artigos/770-sistema-nacional-de-saude/40315-atencao-basica]

Departamento Penitenciário do Paraná (BR). Práticas e Orientações Técnicas da Área da Saúde nas Unidades Penais do Paraná. Paraná [internet] 2011 [citado em 03 Fev 2020. Disponível em: [http://www.depen.pr.gov.br/arquivos/File/caderno_saude.pdf]

Freitas GF, Oguisso T, Fernandes MFP. Fundamentos éticos e morais na prática de enfermagem. Enfermagem em Foco [internet] 2010 [citado em 05 fev 2020] 1(3):104-108. Disponível em: [http://revista.cofen.gov.br/index.php/enfermagem/article/view/37/37]

Teixeira DB. Atenção à saúde do homem: análise da sua resistência na procura dos serviços de saúde. Rev Cubana Enferm [Internet]. 2016 [citado 3 Fev 2020] 32(4):[aprox. 0 p.]. Disponible en: [http://revenfermeria.sld.cu/index.php/enf/article/view/985].




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2020.v11.n6.3315

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.