Sobrevida e principais intervenções de enfermagem em pacientes pediátricos em uso da oxigenação por membrana extracorpórea

Amanda Sayuri Miyamae, Evelise Helena Fadini Reis Brunori, Sérgio Henrique Simonetti, João Italo Dias França

Resumo


Objetivo: Identificar intervenções de enfermagem e analisar a sobrevida de pacientes pediátricos que utilizaram oxigenação por membrana extracorpórea no pós-operatório de Cirurgia Cardíaca. Método: Trata-se de um estudo observacional prospectivo histórico de abordagem quantitativa. Foram obtidos dados sobre as principais intervenções de enfermagem nos prontuários período do pós-operatório imediato. Posteriormente foi realizado contato telefônico para analisar a sobrevida das crianças que utilizaram ECMO no pós-operatório de cirurgia cardíaca. Resultado: Evidenciou a predominância sexo masculino 68,8%, lactentes 66,7%, etnia branca 83,3%. Encontrou-se 82 intervenções de enfermagem. Nos pacientes que apresentaram alta hospitalar (33,3%), foi realizado o follow up. Conclusão: As principais intervenções de enfermagem, para os pacientes pediátricos pós-cirurgia cardíaca em uso de ECMO identificados nesse estudo foram: monitorização multiparamétrica, cuidados para prevenção e/ou controle do sangramento, mudança de decúbito, troca de curativo e observação de mudança clínica do paciente.


Texto completo:

PDF

Referências


Nakasato GR, Lopes J. Lopes CT. Complications Related to Extracorporeal Membrane Oxygenation. Revista de Enfermagem UFPE.2018;12(6):1727–37. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i6a231304p1727-1737-2018

Costa LMB, Hora MP, Araujo EO, Pedreira LC. Cuidado de enfermagem a uma paciente em uso da ECMO. Revista Baiana de Enfermagem,2011, 25(2), 209- 20.

Romano TG, Mendes PV, Park M, Costa ELV. Suporte respiratório extracorpóreo em pacientes adultos. J. bras. pneumol. 2017,43(1): 60-70. http://dx.doi.org/10.1590/s1806-37562016000000299

Freitas RC, et Al. Oxigenação por membrana extracorpórea: revisão da literatura. Rev Bras Ter Intensiva. 2019;31(3):410-24. DOI: 10.5935/0103-507X.20190063

Ribeiro A, Vista B. (2009). Conselho Regional De Enfermagem De São Paulo Parecer Coren-Sp Cat No 009/2009. (11), 9–11.

Martins LS; Ferronato CCS; Silva T.M. Sistematização da assistência de enfermagem: subsídio para autonomia do enfermeiro.Rev. Saberes UNIJIPA, 2018, 8(1): 119-34 Disponível em: https://unijipa.edu.br/wp-content/uploads/Revista%20Saberes/ed8/10.pdf

Pilá ML, et Al. Asistencia con membrana de oxigenación extracorpórea en recuperación cardiovascular pediátrica: experiencia de un centro de Argentina. Arch Argent Pediatr 2019;117(3):157-63

Nakasato GR, Lopes JL, Lopes CT. Complicações Relacionadas à oxigenação por membrana extracorpórea. Rev enferm UFPE online., 2018 12(6):1727-37. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i6a231304p1727-1737-2018

Kattana J, Gonzalez, A Castillo A, Caneo F. Neonatal and pediatric extracorporeal membrane oxygenation in developing Latin American. Countries. Jornal de Pediatria, 2017, 93 (2): 120-29.

https://doi.org/10.1016/j.jpedp.2017.01.002

Extracorporeal Life Support Organization. ECLS Registry Report: International Summary. 2016. [Consulta: 21 de fevereiro de 2021]. Disponible en: https://www.elso.org/ Registry/Statistics/InternationalSummary.aspx.

Cavalcante AMRZ; Brunori EHFR; Lopes CT; Silva ABV; Herdman TH. Nursing diagnoses and interventions for a child after cardiac surgery in an intensive care unit. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2015; 68(1): 155-60. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S003471672015000100155&lng=en

Ferreira AM, Rocha EN, Lopes CT; Bachion MM; Lopes JL, Barros ALBL. Diagnósticos de enfermagem em terapia intensiva: mapeamento cruzado e Taxonomia da NANDA-I. Rev. Bras. Enferm. [Internet]. 2016, 69(2):307-15.

Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-71672016000200307&lng=en

Silva MR; Silva DO; Santos EC; Oliveira PP; Sales AS; Rodrigues AB. Diagnósticos, resultados e intervenções de enfermagem para pessoas submetidas a cirurgias ortopédicas e traumatológicas. Rev. Enferm. UFPE online., 2017, 11(5):2033-45, Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaenfermagem/article/viewFile/23357/18977

Conselho Federal De Enfermagem - COFEN. Resolução n. 358, de 15 de outubro de 2009, que dispõe sobre a Sistematização da Assistência de Enfermagem e a implementação do Processo de Enfermagem. Brasília, 2009

PA Harris, R Taylor, R Thielke, J Payne, N Gonzalez, JG. Conde, Research electronic data capture (REDCap) – A metadata-driven methodology and workflow process for providing translational research informatics support, J Biomed Inform. 2009 Apr;42(2):377-81.

PA Harris, R Taylor, BL Minor, V Elliott, M Fernandez, L O’Neal, L McLeod, G Delacqua, F Delacqua, J Kirby, SN Duda, REDCap Consortium, The REDCap consortium: Building an international community of software partners, J Biomed Inform. 2019 May 9 [doi: 10.1016/j.jbi.2019.103208]

Fernandes HM, Saraiva EL, Souza CS. Atuação do time de enfermeiros na ressuscitação cardiopulmonar extracorpórea . Rev enferm UFPE on line., 2018, 12(11):3147-53. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i11a236980p3147-3153-2018

Nakasato GR, Lopes JL, Lopes CT. Preditores de complicações da oxigenação por membrana extracorpórea. Rev Bras Enferm. 2020;73(2): 1-10. http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167-2018-0666

De Oliveira LB, et Al. Uso da Membrana de Oxigenação Extracorpórea em uma Paciente Pós-Transplante Pulmonar: Cuidados de Enfermagem. Enfermería Global, 2015, 38 :17-32.

Nakasato GR, Lopes JL, Lopes CT. Complicações relacionadas à oxigenação por membrana extracorpórea. Rev enferm UFPE on line., 2018, 12(6):1727-37. https://doi.org/10.5205/1981-8963-v12i6a231304p1727-1737-2018

Cabral JVB, Chaves JSC. Cuidado de enfermagem no pós-operatório de cirurgia cardíaca pediátrica: revisão integrativa. Rev Enferm Contemp. 2020;9(1):118-126. doi: 10.17267/2317-3378rec. v9i1.2597

Silva GS, et. Al. Sistematização da assistência de enfermagem no pós operatório de transplante renal pediátrico. Enferm. Foco 2020; 11 (1): 75-80. https://doi.org/10.21675/2357-707X.2020.v11.n1.2534

Pereira GN, Abreu RNDC, Bonfim IM, Rodrigues AMU, Monteiro LB, Sobrinho JM. Relação entre sistematização da assistência de enfermagem e segurança do paciente. Enferm. Foco 2017; 8 (2): 21-25




DOI: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2021.v12.n6.4898

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Eletrônico ISSN: 2357-707X

Impresso ISSN: 2177-4285

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.